Medicina Veterinária 


A primeira escola de Medicina Veterinária do mundo foi criada em Lyon na França, em 1762, por Claude Bourgelat. No Brasil a primeira escola de Medicina Veterinária foi criada em 20 de outubro de 1910, localizada em Pinheiral, município do Rio de Janeiro.
 
Em 09 de Setembro de 1933 aconteceu a regulamentação do exercício profissional da Medicina Veterinária, pelo decreto 23.133, diante deste acontecimento passou a ser festejado o dia do Medico Veterinário.
 
O curso de Medicina Veterinária da FAMED foi autorizado pelo MEC, com conceito “A”, através da Portaria MEC 679 de 24/05/2000.
 
O Conselho Federal de Medicina Veterinária com suas conceituadas atribuições considera que a atuação do Medico Veterinário é imprescindível ao progresso econômico, proteção da saúde, do meio ambiente e bem estar social. As necessidades econômicas nacional e mundial colocam o Médico Veterinário em posição elevada diante do mundo moderno, seja na alimentação e saúde do ser humano, seja na saúde dos Pequenos Animais que garantem a saúde emocional de grande parcela da humanidade.
 
Informações gerais da Faculdade de Medicina Veterinária da FAMED
 
O curso oferece anualmente 150 vagas. Os alunos são selecionados através de concurso vestibular promovido pela Associação Cultural e Educacional de Garça ( ACEG ) e estudam em regime de tempo integral.
 
A Faculdade de Medicina Veterinária da FAMED
 
O Curso de Medicina Veterinária da FAMED forma profissionais nas áreas de Clinica Médica, Clínica Cirúrgica, Diagnóstico por Imagem, Laboratório Clinico, Patologia Animal, Criação e Produção Animal, Transferência e Inseminação Artificial, Saúde Pública, Vigilância Sanitária, Zoonoses, Higiene e Tecnologia de Produtos de Origem Animal, Questões Judiciais e Periciais, Ensino, Pesquisa e Extensão.
 
A carga horária e a grade curricular são adequadas para que os alunos realizem estágios e cursos de aprimoramento e de extensão que são importantes para a formação profissional.